Amilto Filho quer desoneração da tarifa do transporte público da cidade de Anápolis

Governo do estado já trabalha na elaboração de projeto para a Região Metropolitana da capital

Por Jornal Opção

O deputado estadual Amilton Filho (Solidariedade), quer incluir cidades do interior no projeto de desoneração da tarifa do transporte público, inicialmente prevista para municípios da Região Metropolitana de Goiânia. Para o parlamentar, Anápolis e Rio Verde são exemplos de cidades que enfrentam dificuldades em relação ao transporte coletivo. O projeto de desoneração que era bastante esperado na Assembleia Legislativa, no entanto, dificilmente chegará para apreciação antes da noventena, que encerra no dia 2 de outubro.

De acordo com a proposta inicial, a desoneração da tarifa de transporte coletivo seria bancada através da oneração de emplacamento de veículos particulares. Ou seja, o transporte individual financiaria o transporte coletivo, o que permitiria uma desoneração da tarifa de até R$ 0,50. Com isso, a passagem de ônibus na Região Metropolitana passaria dos R$ 4.30 atuais para R$ 3.80, com algumas obrigatoriedades: como troca da frota e troca de todos os abrigos da região metropolitana.

Há, porém, polêmica quanto à amplitude da oneração para emplacamentos — se abrangeria motoristas de todo o Estado ou somente da Região Metropolitana de Goiânia. Para Amilton, a oneração poderia ser custeada por todo o Estado, beneficiando os usuários de cidades onde o transporte coletivo necessita de desoneração. “É o caso de Anápolis, onde já foi aprovada a isenção do ICMS e óleo diesel assim como na Região Metropolitana, mas que ainda não desfruta desse benefício. Isso pode ajudar na desoneração”, exemplifica Amilton.

Com informações do Jornal Opção

You may also like