Prefeitura de Anápolis Lança Programa para ajudar quem quer parar de fumar

Os interessados devem procurar unidade de saúde para iniciar o tratamento

Por Redação

Neste domingo, 31 de maio, é Dia Mundial Sem Tabaco. Criada em 1987 pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a data é uma ocasião para alertar sobre as doenças e mortes evitáveis relacionadas ao tabagismo – um problema de saúde pública que tem sido discutido e tratado por meio de programas desenvolvidos nos municípios. Em Anápolis não é diferente. No município existe o Programa de Controle de Tabagismo, que funciona com acompanhamento de uma equipe formada por médicos, enfermeiros, odontólogos e psicólogos.

Tudo começa com uma consulta para avaliar o grau de dependência da pessoa para definir o tratamento e verificar fatores que contribuem para o uso da substância. Depois disso, são realizadas quatro sessões de tratamento e, se necessário, sessões de manutenção. O tratamento acontecia com consultas periódicas e reuniões em grupos de apoio para discutir os problemas que levam ao uso do tabaco e ajudar na busca de alternativas para melhorar a qualidade de vida do paciente, mas “com o cenário de pandemia da Covid-19, as reuniões de grupos não estão acontecendo”, explica a responsável pelo programa, Marcela Alves Braga.

Ela ressalta que, para as pessoas com níveis mais elevados de dependência, o tratamento se inicia com adesivos transdérmicos com três dosagens, conforme a resposta de tratamento. Se necessário, é receitado um medicamento antidepressivo que, segundo Marcela, “vai auxiliar em crises de abstinência”, ou pode-se tentar parar sozinho com o apoio da equipe, por meio de consultas periódicas. Lembrando que tudo é feito pela rede municipal de saúde.

O paciente que tem interesse em parar de fumar pode procurar a unidade de saúde mais próxima da sua residência, exceto as Unidades Referência de tratamento ao Coronavírus: Unidade Básica de Saúde do Parque Iracema, Vila União, Recanto do Sol, São José e Bairro de Lourdes. Nos últimos quatro meses, cerca de 120 pessoas estão ativas no programa. “A maioria consegue se livrar do cigarro”, frisa a responsável pelo programa, observando que o paciente pode iniciar o tratamento individualmente.

Saiba mais

Os benefícios de parar de fumar valem em qualquer momento da vida e são notados rapidamente, mesmo quando o fumante já tem alguma doença causada pelo tabaco, como enfisema, derrame e até mesmo o câncer. Confira: Após 20 minutos a pressão sanguínea e a pulsação voltam ao normal; Após duas horas não há mais nicotina circulando no sangue; Após oito horas o nível de oxigênio no sangue se normaliza; De 12 a 24 horas os pulmões já funcionam melhor; Após dois dias há melhora no olfato e no paladar; Após três semanas já tem uma facilidade na respiração e melhora na circulação; Após um ano o risco de infarto do miocárdio é reduzido à metade; Após 10 anos o risco de sofrer infarto será igual ao de quem nunca foi fumante; Vale lembrar que quanto mais cedo a pessoa parar de fumar, menor o risco de adoecer.

You may also like