UPA pediátrica alcança 27 mil atendimentos e procedimentos em dois meses

Inauguração da unidade desafogou outros locais de atendimento da rede, como Hospital Municipal e UPA da Vila Esperança.

Da Redação

Na tarde desta terça-feira (24), a prefeitura de Anápolis por meio da Secretaria Municipal de Saúde, divulgou o balanço que mostra que em dois meses de funcionamento, a unidade já alcançou 27 mil atendimentos e procedimentos. Este é o balanço da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) com Perfil Pediátrico, inaugurada em julho deste ano pela Prefeitura de Anápolis. “Isso só comprova que estamos no caminho certo”, destaca o prefeito Roberto Naves.

A unidade é a primeira UPA com esse perfil na região Centro-Oeste, e a terceira do país, já se tornou referência em pediatria para Anápolis e municípios vizinhos. Com uma média de 200 crianças atendidas por dia, oferece todo aparato necessário para procedimentos na área de urgência e emergência.

Ortopedia

Outro diferencial da UPA Dr. Lineu Gonzaga Jaime é que foram iniciados os atendimentos em ortopedia pediátrica, das 7h às 19h, todos os dias. “Agora as crianças têm em um só local, todo o atendimento que precisam, com muita qualidade. Isso ainda desafoga o Hospital Municipal que é referência na área ortopédica”, destaca o secretário municipal de Saúde, Lucas Leite.

Ele ainda ressalta, que a unidade faz parte do processo de reestruturação na área da saúde municipal, que visa a melhoria do atendimento e do acesso do cidadão aos serviços. “É o carro-chefe de uma série de ações e investimentos que estão sendo feitos na saúde, para humanizar e melhorar o atendimento à população”, pontua Lucas Leite.

Reflexo

A inauguração da UPA com Perfil Pediátrico, reflete em toda a rede de saúde pública de Anápolis e municípios vizinhos. Na Unidade de Pronto Atendimento Dr. Alair Mafra de Andrade (UPA Sul) as demandas gerais caíram 30%, e somente na pediatria, 95%. Isso sem falar nos atendimentos absorvidos da Santa Casa de Misericórdia, que desde o início do ano, reduziu a quantidade de serviços oferecidos.
O diretor municipal de Urgência e Emergência, Eduardo Sardinha, destaca que a saúde de Anápolis ganhou reforço com a UPA com Perfil Pediátrico. “Agora, além de termos um lugar próprio para as crianças, aumentamos a capacidade de absorver mais pacientes adultos na UPA Sul, e melhorar ainda mais os serviços oferecidos”, ressalta.

Estrutura

A UPA com Perfil Pediátrico Dr. Lineu Gonzaga Jaime, além de ser a primeira do Centro-Oeste, é a terceira do Brasil. Está localizada na sede do antigo Cais Mulher e para adaptação e ampliação, a Prefeitura investiu R$ 1.016.000,00 em obras e mais de R$ 600 mil na aquisição de equipamentos e mobiliário.

O prédio conta com cinco consultórios médicos, farmácia, ludoteca, dois isolamentos, salas de nebulização, estabilização, medicação, coleta, curativo, raios-X, leitos de observação e setor de urgência com reanimação para receber crianças e adolescentes menores de 16 anos em casos de urgência e emergência.

Para isso conta com uma equipe multidisciplinar composta por médicos pediatras, clínicos e ortopedistas (a partir de setembro); enfermeiros; técnicos de enfermagem, gesso e raios-X; assistente social, nutricionista, farmacêutico, biomédico, psicólogo e psicopedagogo.

Funev

Para o funcionamento pleno da UPA com Perfil Pediátrico, a Prefeitura assinou contrato com a Fundação Universitária Evangélica (Funev), Organização Social (OS) sem fins lucrativos. O local será ainda utilizado como unidade escola para a Faculdade de Medicina, da UniEvangélica, seguindo rígidos protocolos exigidos pelo Conselho Federal da categoria para a residência médica.

O papel da OS é a gestão total da unidade e o repasse mensal é de R$ 1,6 milhão. Todos os funcionários, medicamentos, insumos, lavanderia e demais custos são de responsabilidade da Funev.

Fonte: Diretoria de Comunicação

You may also like