Anápolis: Comdefesa-GO recebe Sudeco para debater viabilização de polo de defesa e segurança

A cidade de Anápolis deve sediar indústria do setor, e articula com a superintendência a oferta de crédito para empresas interessadas em instalar unidades no município.

Da Redação

A Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco) participou de encontro na Associação Comercial e Industrial de Anápolis (ACIA), nesta segunda-feira (22), com representantes do Comitê da Indústria de Defesa e Segurança (Comdefesa), de Goiás, para debater as oportunidades para a indústria do setor no município. O diretor de Planejamento da superintendência, João Balestra, apresentou as modalidades de financiamento disponíveis tanto para as empresas quanto para a prefeitura implementar a infraestrutura necessária.

Anúncio

O Comdefesa-GO é formado por lideranças empresariais e militares com o objetivo de identificar oportunidades de negócios para as empresas do estado atenderem demandas de suprimento de diversos tipos de produtos e serviços às Forças Armadas e forças de segurança.

Segundo Balestra, o setor é prioridade dos fundos sob gestão da Sudeco. “Somente para 2019, o FDCO dispõe de aproximadamente R$ 160 milhões que podem ser acessados pelo setor de defesa e segurança por meio de projetos aprovados pela diretoria colegiada da superintendência”, afirmou.  Por meio do FDCO, podem ser viabilizados investimentos em infraestrutura, serviços públicos e empreendimentos com grande capacidade de gerar novos negócios e atividades produtivas. Já o FCO financia empreendedores individuais e de médio porte com taxas de juros reduzidas e prazos e carências diferenciadas.

O presidente do Comdefesa de Anápolis, Anastácios Dagios, disse que o polo industrial do município pode sediar empresas que fabricam “do alfinete ao foguete” e que “a ajuda da Sudeco será muito importante para a realização do projeto”. O secretário de Desenvolvimento Econômico do município, Adriano Baldy, “ressaltou que a Sudeco tem sido uma parceira importante para a cidade, inclusive procurando a administração municipal com propostas para o trabalho conjunto”.

Balestra e integrantes do comitê também visitaram as obras do aeroporto de Anápolis, cuja pista está sendo preparada para receber cargueiros de grande porte e os distritos Agroindustrial de Anápolis (Daia) e Industrial Municipal. As duas áreas podem receber unidades de indústrias de equipamentos de defesa e segurança e empresas de base tecnológica.

Com informações da Assessoria de Comunicação

You may also like