“Nova previdência caminha para aprovação”, disse Vitor Hugo

Por Keissiane Seabra

O líder do Governo na Câmara, deputado federal Vitor Hugo, disse em entrevista a uma rádio nacional que para garantir a estabilidade do país é necessário que haja harmonia entre os poderes e que ele vem buscando aproximar cada vez mais os parlamentares do Governo Federal. “Tenho pedido a todos os ministros que tenham uma agenda para atender os parlamentares. Inclusive conversei essa semana com o general Santos Cruz sobre isso”, afirmou o líder.

Sobre a Nova Previdência, Vitor Hugo disse que o projeto tem caminhado para a aprovação e que extrapola questões partidárias, pois se faz necessária para o crescimento do Brasil. “Todos têm demonstrado inclinação para votar a favor do projeto, com uma ressalva ou outra, mas a maioria sabe da importância da nova previdência para o país. Inclusive, o próprio Rodrigo Maia tem dito que é bom blindar a previdência de acordos políticos”, afirmou o deputado.

Sobre o PSL, o líder disse que o partido sabe o quanto ele cresceu dentro do Congresso. De 1 parlamentar, o partido passou para 55 deputados eleitos. “Hoje nós do PSL vamos tomar um café na liderança nacional do partido para mostrarmos união”, concluiu.

Para encerrar a entrevista, Vitor Hugo, disse que o tempo do parlamento é diferente e que a discussões sobre a nova previdência estão sendo analisadas e serão levadas em consideração. “Melhor irmos devagar na posição certa, do que rápido demais e futuramente a nova previdência esbarrar com problemas jurídicos e não poder ser colocada em prática” enfatizou.

GOIÁS TAMBÉM FOI PAUTA

Nesta semana, o líder do governo se reuniu com o ministro da infraestrutura, Tarcísio Gomes, o Governador de Goiás, Ronaldo Caiado, e a bancada federal goiana. O Ministério da Infraestrutura estima que serão investidos R$ 2,8 bilhões em decorrência do certame. Nos 30 anos de concessão, o trecho deverá transportar o equivalente a 22,73 milhões de toneladas em cargas. “Para nós é uma alegria discutir a Ferrovia Norte-Sul com a bancada de Goiás, pois entendemos a importância de explicar o modelo do projeto”.

O Deputado Vitor Hugo ressaltou que “a Ferrovia Norte-Sul precisa entrar em operação o quanto antes”. Segundo o líder, o “impacto da ferrovia em Goiás, especialmente em Anápolis, será muito positivo no campo econômico”. Nesta quinta-feira, o líder vai à São Paulo, junto com o ministro Tarcísio Gomes, e participará de um leilão de concessão para dar início ao projeto da ferrovia.

You may also like