Financiamento coletivo arrecada dinheiro para mãe de menino morto por Suzy

Por Rede TV

Uma campanha de financiamento coletivo foi organizada para arrecadar fundos para Aparecida dos Santos, mãe do menino Fábio, que tinha 9 anos quando foi morto e estuprado pela transexual Suzy Oliveira. Em entrevista exclusiva para o Alerta Nacional nesta terça-feira (10), ela agradeceu as doações.

Na última segunda-feira (9), Aparecida também conversou com o repórter Edie Polo, dessa vez, ela explicou o motivo de ter concedido a entrevista. “Dei a entrevista porque mexeu com a memória do meu filho”.

Sobre o dinheiro, a mulher disse que “vai ser bem vindo” e ainda agradeceu a campanha: “Eu só posso agradecer vocês por isso”, disse. As doações podem ser feitas pelo site caneta.org/mae.

No final da entrevista, Cida fez um apelo: “Eu gostaria de uma lei em que os assassinos nunca saiam da prisão, isso é um desejo de mãe”, completou.

Suzy ganhou destaque nas redes sociais após uma reportagem exibida no domingo passado (1º) durante o Fantástico, da Globo. Na matéria, o médico Drauzio Varella conversa com mulheres trans em um presídio.

You may also like